Os 3 principais tipos de porcelanato: Aprenda a escolher o melhor para cada situação

Os 3 principais tipos de porcelanato: Aprenda a escolher o melhor para cada situação

Quais os tipos de porcelanato e quando usar cada um?

Na hora de comprar o piso, vem aquela dúvida…

Usar o porcelanato polido? O esmaltado? Porcelanato Líquido? Como assim?

Essa escolha é uma das mais importantes da obra.

Afinal, é um dos principais itens do acabamento de uma construção.

Por ser um piso de alta resistência, é comum as pessoas acharem que porcelanato é tudo igual. Mas cada tipo de porcelanato tem suas vantagens e desvantagens.

São vendidos em vários tamanhos, principalmente 60x60cm, 80x80cm, 100x100cm e 60x120cm.

Quanto maior a peça, maior a impressão de estarmos em um ambiente grande.

Muita gente adora o porcelanato porque o rejunte fica bem fininho, que quase não dá pra ver.

Mas só fica assim se for o retificado, que é aquele que tem a borda reta, diferente do bold, que tem a borda um pouco arredondada.

Como é um piso que absorve muito menos água do que uma cerâmica, o assentamento tem que ser com argamassa AC-III.

Esse nome é estranho para quem não é da área, e por isso os fabricantes lançaram vários tipos de argamassa AC-III.

Para cada tipo de uso, como a superflexível, grandes formatos, porcelanato interno, porcelanato externo, entre outras.

Isso veio para facilitar. É só avisar ao vendedor que quer a argamassa para aquele piso que você está comprando, e dizer se vai ser usado em área interna ou externa.

Conheça os tipos de porcelanato:

Porcelanato Polido: A beleza para sala, e para os quartos

Esse tipo de porcelanato é aquele que todo mundo conhece, com alto brilho. Os pisos mais baratos são na tonalidade bege.

Mas tem também modelos na tonalidade cinza, branco, preto…

Quando usamos cores claras, dá a impressão que o ambiente é maior, fica muito mais leve. Só que, normalmente, quanto mais claro, mais caro.

Um ambiente com o porcelanato polido fica lindo, moderno, sofisticado.

Mas é importante analisar uma coisa: por ser brilhoso, qualquer arranhão (sim, qualquer piso arranha) será mais visível.

Quando o piso é numa casa ou num escritório, onde passa pouca gente, tudo bem.

Mas em lojas ou algo parecido, é melhor pensar bem e escolher outro tipo de acabamento, como o esmaltado ou o acetinado.

Uma dica importante: usar um nivelador para porcelanato vai ajudar muito no acabamento, evitando que umas peças fiquem mais altas que as outras.

Esse é o tipo de porcelanato mais conhecido. Mas tem outros também…

Porcelanato Esmaltado: Ideal para banheiro, varanda ou garagem

O Porcelanato Esmaltado é aquele que não tem brilho, mas também não é antiderrapante.

Tem esse nome porque, na sua produção, leva uma camada de esmalte, para dar o acabamento nas mais variadas cores.

É uma ótima opção para ambientes comerciais, já que, por não terem brilho, os arranhões praticamente não aparecem.

Além disso, tem opções muito bonitas, e com um bom custo benefício.

Dentre as opções, uma tendência forte da Arquitetura tem sido usar porcelanato esmaltado de tonalidade cinza.

Nas lojas, tem modelos mais lisos e modelos mais ásperos e modelos mais lisos.

É bom ver bem isso, de acordo com o local onde vai ser aplicado, pois nem todo porcelanato que não é polido é indicado para áreas que levam água.

Essas não são as únicas opções. Nem todas a pessoas conhecem um dos tipos de porcelanato que tem permitido que você personalize a sua obra. Vamos a ele…

Porcelanato Líquido: Um dos tipos de porcelanato que vem fazendo sucesso

Uma alternativa que vem sendo cada vez mais adotada, principalmente em obras de alto padrão, é o porcelanato líquido, que na verdade é um piso epóxi.

Leave a Comment

Your email address will not be published.